Quem disse que a caminhada não é um exercício físico? Apesar de ser considerada uma atividade leve, andar regularmente na esteira, parque ou pelas ruas do seu bairro é uma excelente forma de perder peso e ganhar qualidade de vida. Mas, como em qualquer esporte, é preciso estar atento à alimentação para não apenas queimar gorduras, mas também ter mais rendimento.

Antes de tudo, é importante lembrar que o jejum é perigoso mesmo em exercícios mais leves. Caminhar sem comer pode levar à hipoglicemia (baixa de açúcar no sangue) e causar tontura, dor de cabeça e mal estar.

Dito isso, separamos abaixo um pequeno guia alimentar para quem pratica a caminhada regularmente, em diferentes horários:

De manhã

Logo ao acordar, 30 a 40 minutos antes do exercício, aposte nos carboidratos de baixo índice glicêmico – aqueles que liberam o açúcar no sangue de forma gradativa – garantindo energia por toda a atividade. Pão integral, iogurte desnatado sem açúcar e frutas com aveia são boas opções. Depois de caminhar, prefira alimentos que combinem carboidratos com proteínas, como pão integral com ovo mexido ou uma banana com chia ou aveia.

À noite

A combinação de carboidratos antes do treino e carboidratos + proteínas após a caminhada continua. Porém, aqui podemos variar nas sugestões pós-exercício, afinal, é a hora de jantar. Omelete de um ovo com tomate e cebola, salada de quinoa com cenoura ralada e salada de folhas verdes com atum são algumas indicações.

Outro ponto que merece atenção é a hidratação. Beba bastante água antes, durante e depois da caminhada, principalmente se ela for de longa duração (mais de 1h). Bebidas como o chá verde ou chá de hibiscus são termogênicas e podem ajudar a acelerar a queima de gorduras, além de hidratar o corpo.

Agora é só preparar o cardápio, amarrar o tênis e sair para a sua caminhada do dia!